Header Ads

Notícias de Última Hora

Luiz Castro repudia "vale tudo" na campanha eleitoral


O deputado Luiz Castro (Rede), candidato a senador nas eleições de outubro, declarou hoje (19), que as denúncias contra o candidato a governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), cabem ao Ministério Público Estadual (MPE) investigar, por se tratar de uma questão de esfera privada, que envolve famílias, mas que segundo ele, estão sendo exploradas, sem o respeito às regras democráticas do processo eleitoral, na tentativa de transformar a disputa num “vale tudo” pelo poder.
Luiz Castro comparou os ataques a um complô para denegrir a imagem do candidato, e defendeu que a questão seja tratada de forma responsável, sem falso moralismo e sem expor as famílias ao constrangimento público.
Ele manifestou a sua solidariedade à família de Wilson Lima, seu companheiro de chapa majoritária na coligação “Transformação por um Novo Amazonas”, cuja candidatura ameaça as estruturas do poder vigente.
“Reafirmo a minha confiança no Wilson Lima, pela relação política respeitosa e fraterna, nesta caminhada, enfrentando retaliações e boicotes, mas com a convicção de seguir em frente no compromisso de oferecer o melhor projeto de governo para o Amazonas”, ressaltou.
Como presidente da Frente Parlamentar de Enfrentamento à Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes (Frenpac), Luiz Castro reforçou que deposita a sua confiança na Justiça para investigar a denúncia, resguardando o devido respeito às famílias envolvidas. “O Ministério Público é o órgão competente para apurar o caso, ouvir testemunhas, colher provas e mostrar para a sociedade a verdade dos fatos”, afirmou.

Nenhum comentário