Header Ads

Notícias de Última Hora

Josué anuncia votações antes do recesso e deputados debatem crise na saúde


O Presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), Josué Neto (PSD) anunciou que terão duas votações de projetos nesta semana, sendo uma na quarta-feira (10) para a limpeza da pauta de projetos dos deputados e de outros órgãos, e uma na sexta-feira (12), somente com a votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), pois foram enviadas sete mensagens do governo para serem votadas antes do recesso.

Nesta quarta, Josué Neto e mais 17 parlamentares, estiveram reunidos com o secretário de Fazenda, Alex Del Giglio, que explicou as alterações feitas nas mensagens enviadas pelo Executivo e também na LDO. "Nos últimos dias nos foram enviadas sete mensagens governamentais para esta casa. Para que elas sejam compreendidas, analisadas e debatidas, é preciso maior prazo para sua deliberação e entendimento dos senhores parlamentares. Razão pela qual o senhor secretário Alex Del Giglio está aqui nesta quarta e também amanhã para que a votação seja realizada sem prejuízo na sexta. São matérias delicadas que nos levam a ter mais dias de debates porque tratam do frágil momento econômico que o Estado está passando", explicou o presidente.

Além dos pronunciamentos dos deputados, duas Cessões de Tempo marcaram os trabalhos no plenário Ruy Araújo da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam).


Com o recesso legislativo anunciado pelo presidente para começar na próxima segunda-feira (15), os deputados debateram temas relevantes como a crise no sistema de saúde, que tomou conta do tempo do Grande Expediente envolvendo membros da oposição e da base aliada do governo. O fechamento temporário do Bosque da Ciência do Inpa, anunciado neste início de semana foi outro tema que ganhou relevância, já no primeiro pronunciamento do dia com o deputado Sinésio Campos (PT).

Sinésio mostrou foto do Bosque da Ciência com placa de fechamento, declarando sua solidariedade as servidores do Inpa e apelando ao governo do Estado para intermediar recursos junto ao Ministério da Ciência e Tecnologia e Ministério do Turismo a fim de prover a manutenção do espaço científico e turístico que é uma das referências amazônicas. A deputada Therezinha Ruiz (PSDB) concordou com a proposta e também anunciou o envio de documento da Comissão de Educação da Casa pedindo providências.

A regularização fundiária para famílias de baixa renda, no interior e em Manaus foi tema de pronunciamentos dos deputados Cabo Maciel (PR) e João Luiz (PRB). Maciel relatou o início dos trabalhos da Superintendência de Habitação do Amazonas (Suhab) em Itacoatiara, em dois conjuntos residenciais beneficiando mais de 600 famílias. João Luiz destacou o programa habitacional da prefeitura de Manaus, beneficiando 660 famílias nas áreas do Tarumã, zona Oeste e Santa Etelvina, na zona Norte da capital.

As denúncias de mau emprego de recursos, de falta de atendimento e de medicamentos e insumos nos hospitais de Manaus foram debatidas por Dermilson Chagas (PP), Wilker Barreto (PHS), Dr. Gomes (PRP), Álvaro Campêlo (PP) e Saullo Vianna (PPS). Também foi realizada uma Cessão de Tempo requerida pelos deputados Alessandra Campêlo (MDB) e Josué Neto, para que o defensor-geral Rafael Barbosa Monteiro apresentasse a prestação de contas da Defensoria Pública Estadual (DPE-AM) referente ao primeiro semestre de 2019.

Outra Cessão de Tempo foi requerida pelo deputado Adjuto Afonso (PDT), para uma explanação do presidente do Sistema OCB/AM, José Merched Chaar, sobre o cooperativismo no país, na qual ressaltou a importância de projetos contínuos no Estado, de mais apoio do governo e melhores políticas públicas.

Foto: Hudson Fonseca/Aleam

Nenhum comentário